Menu

        JUKEBOX WEB RADIO

Strip N Roll - Hooked

08 OUT 2016
08 de Outubro de 2016

Dominic Smith, um Inglês com alma e coração brasileiros e com longa peregrinação nos caminhos de um certo  Indie rock, fora de padrão, desde os longínquos anos 90.

Smith presenciou in loco  momentos que alguns de nós gostaríamos de ter vivido pelo menos uns 10%,  desde gravar para o selo Bella Union de um Cocteau Twin a  tocar numa Peel Session, o rapaz vem costurando aos poucos a sua ótima e despretensiosa história no universo dos bons sons.


Em 2016, Dominic acaba de escrever mais um capítulo desta história com Hooked o novo album de sua banda Strip N Roll  que já chega destilando o que poderíamos chamar de um Post Indie Bubble Grunge.


Um registro extremamente vigoroso, bem diferente do que Dominic fazia em sua banda anterior, o Cherry But no Cake, que praticava um rock mais desleixado, Já na primeira faixa que dá nome ao álbum,  as referências grunge são intensas no quesito guitarras psicodélicas e pesadas ,


O álbum também vem todo carregado com uma sonoridade Power Pop,  muito mais coeso que o anterior Mash Up, Hooked acaba gravitando mais em ritmos e melodias mais  incomuns e  alimentado por riffs e distorções pops setentistas, como é o caso da urgente The King is Dead já na metade do disco.


Mas o detalhe é, que Smith é maior parte da equação de Hooked e que o torna um álbum tranquilamente carismático, e se você for como eu, você não vai realmente sentir como vai ser difícil desgrudar a orelha deste disco…


Conversamos com o Mestre Dominic Smith sobre várias coisas, inclusive sua estadia no Brasil, bandas dos 90, enfim… O Resultado segue abaixo junto com a audição do álbum.



Juke -  Conte  um pouco de sua história como músico.


Dom - Comecei tocando violão muito tempo atrás, tipo com 15 anos, sempre ligado no rock/blues, montei bandas com os amigos, tomei algumas aulas de violão/guitarra até me decidir a fazer faculdade de música em Salvador/Bahia( composição e regência), para onde me mudei em 1975... em Salvador participei de inúmeros projetos e também trabalhei como tecnico de som em estúdios de gravação e fazendo PA, Nesta função trabalhei com vários artistas baianos e fiz várias turnês internacionais, me mudei para Londres em 91 e aqui a mesma coisa ,vários projetos e bandas, 2 John Peels sessions, tours pela europa e varios registros gravados...agora estou com meu projeto Strip N Roll com 2 álbuns lançados.


Juke - Você chegou a um certo mainstream com o Garlic, conta um pouco desta experiência.


Dom - Sim com o Garlic, lancamos 2 albuns via a gravadora Bella Union, Peel Session, abrimos para o New Order no Brixton Academy, SXSW em Austin Texas, e um festival em NY City, e várias tours aqui pela Inglaterra e Escócia..bons tempos!


Juke - O Cherry But no Cake foi um projeto bem interessante antes do Strip, porem  com aquela pegada mais Pavement, mais desleixada , o tal indie americano, este projeto está estacionado ou acabou mesmo?


Dom - Com o Cherry but no Cake, gravamos 2 albums e varias tours pela europa( França,Espanha, Itália,) a banda esteva atuante por mais ou menos 8 anos com algumas formações diferentes, decidimos terminar a banda pacificamente e cada um seguiu fazendo seus trabalhos solos...


Juke - Conta como vc recrutou a galera para o Strip e qual o tipo de som que vc gostaria de executar com a nova banda?


Dom - O Strip n Roll começou comigo e um ex batera do Cherry but no Cake (Karl Morgan)  fazendo umas jams, com o passar do tempo o Valentino Forgione( guitar solo) e Pasquale Savignano (baixo) , depois fomos agraciados com um grande batera Frances Olivier Hurtu com o qual gravamos nossos 2 albums( Vinyl/cd) MASH UP e agora o mais recente HOOKED, gravamos ambos como se fosse ao vivo.


Todo mundo tocando junto com alguns overdubs ( vocais principalmente) num estudio super legal ( BEAR BITES STUDIO) do nosso amigo Wayne Adams, Ficamos muito felizes com o resultado, agora estou com nova formação com Bruno Saski ( guitar solo/vocais) Felipe ( Bass) e o Francois Dostes na batera, Todos recrutados nos sites de música aqui de londres....o som da gente é basicamente é uma mescla de todas as minhas influências mais a dos outros componentes da banda, Como eu sou o compositor e letrista da banda o som vai estar ligado ao rock feito nos anos 60 e 70, Mas também estou sempre antenado nas novas formas de rock..entao vai ter uma influência mais contemporânea também..


Juke - Londres ainda é uma cidade pro rock, sua opinião.


Dom - Com certeza, Londres continua sendo uma cidade do rock, dentre outras formas e estilos musicais obviamente, é inevitável levando em conta a história da cidade e de todas as bandas que aqui surgiram... a cidade respira rocknroll!


Juke - Você gosta de música Brasileira?


Dom - Sim eu gosto de música brasileira, coisas tipo raízes de qualquer estilo  ( samba,bossa nova,música caipira,rock) , sendo música de qualidade e feita com originalidade tem um lugar na minha coletânea..


Juke - O que vc anda ouvindo de novo e antigo no rock?


Dom - Tenho uma coleção extensa de cds/discos, com todos os classicos dos anos 60/70/80/90 muito rock e blues....coisa mais recente que gosto QUEENS OF STONE AGE, USA NAILS, MUMS, DEATH PEDALS, SHELLAC,  pra falar a verdade das bandas que sao mais famosas da atualidade nada me impressiona muito.....


Juke  - Quais as principais influências do Strip N Roll?


Dom - Old School rock com uma pegada mais moderna, é difícil dizer, nada é feito conscientemente..o que rolar rolou hehehehe


Juke - O que você cita como a principal diferença entre Mash Up e Hooked?


Dom - Os dois estão mais ou menos na mesma linha, com o HOOKED  regravei 2 musicas que compus a mais de 20 anos atraz ( Hooked e Getting Better) em geral o álbum  está mais variado um pouco mais pop talvez.....


Juke - Finalizando, descreva a experiência de ouvir o álbum novo.


Dom - É sempre um prazer ouvir o disco, estou bastante satisfeito e orgulhoso desses trabalhos, a parte gráfica também gosto muito, ambos os álbuns sao trabalho do meu amigo Chris Kramer também já estou com uma boa seleção de músicas novas para o próximo álbum, provavelmente vamos entrar no estúdio em breve para começar as gravações!


That’s it…

Confira abaixo os links relacionados ao Strip N Roll e divirta-se...sempre!!!!

Strip N Roll Facebook

Strip N Roll BandCamp

Dúvidas, sugestões, etc. nilsonpaes@jukeboxradio.net

NP.

Voltar
Tenha você também a sua rádio